Crítica: Spartacus: Blood and Sand (Spartacus: Sangue e Areia) | Fora de Cena

Crítica: Spartacus: Blood and Sand (Spartacus: Sangue e Areia)

17 de Fevereiro de 2010

Críticas, Televisão

O soldado romano Spartacus (Andy Whitfield) é sentenciado à morte numa arena, após desafiar as ordens do comandante Claudis Glaber (Craig Parker). Durante o combate, surpreendentemente Spartacus mata quatro gladiadores e sobrevive, sendo depois condenado à escravidão e separado da sua bela esposa Sura (Erin Cummings). Batiatus (John Hannah) compra Spartacus e decide torna-lo num Gladiador, pois verifica que ele tem jeito para combater e pode ganhar algum dinheiro à sua custa.

Spartacus foi um grande gladiador que liderou a mais célebre revolução na Roma Antiga. A sua história já foi narrada em diversos livros e filmes. É a vez dos produtores Joshua Donen e Sam Raimi (director da trilogia Homem Aranha) contarem a jornada deste ícone histórico, na série Spartacus: Blood and Sand. A série foi filmada na Nova Zelândia, e apresenta uma estética que lembra muito o filme ”300” misturada um pouco com o filme ”Gladiator”. Óbvio que o objectivo principal da série não é contar a história deste grande guerreio da forma mais fiel possível, por isso mesmo existem muitas alterações na história original.


Spartacus: Blood and Sand, conta com um elenco constituído por Lucy Lawless, John Hannah, Andy Whitfield, Peter Mensah, entre outras personalidade conhecidas. Spartacus é uma série com um visual ao estilo “300″, onde a violência e a nudez integral não são poupadas… E por estas mesmas razões está a ter grande sucesso, tanto que a série já foi renovada para uma segunda temporada, tendo cada temporada 13 episódios.

Estou a ficar fã da série, mas a história de Spartacus parece-me ser já uma formula esgotada e cansada… E as interpretações são bastante fracas também, infelizmente. Espero portanto que a serie reserve muitas surpresas, para além claro dos combates sangrentos e das cenas de nudez (que por vezes são em excesso).

, , , , , , , , , , , , ,

Sobre André Ramalho (afcramalho)

André Ramalho, Fundador e Administrador do Fora de Cena.

Veja todos os Artigos escritos por André Ramalho (afcramalho)

40 Respostas ao “Crítica: Spartacus: Blood and Sand (Spartacus: Sangue e Areia)”

  1. marco Says:

    consegui a serie na net e achei chatissima…clone mal feito de 300/gladiator…chega a irritar as cenas de luta…com as imagens sendo congeladas no estilo 300 e o sangue jorrando exageradamente…as vezes fica comico até…não recomendo!!decepcionante…

  2. vandalo Says:

    és uma nodoa ó marco, continua a comer novelas brazileiras que é a unica coisa que sabes ver….

  3. Ramon Says:

    Realmente assisti a série e gostei muito, principalmente das cenas em que dá uma “congelada” e o sangue jorra no estilo Quadrinhos, e concordo com o comentároi do Vandalo, pois quem está acustumado com novela Brasileira falando sendo refeita com o mesmo final realmente não vai gostar da Serie.

    Abraços

  4. Ariadine Says:

    Achei a série o máximo!!!

  5. afcramalho Says:

    Sim, a série é muito boa. Estou ansioso pela nova temporada.

  6. Jimmy Says:

    Falar mal da série é um absurdo, super bem produzida sendo fiel a Roma antiga, enrredo super envolvente, uma das melhores séries que pude ver, estou muito triste pelo cancer do ator que interpreta o Spartacus, infelizmente a segunda temporada está sendo adiada.

  7. fernando Says:

    A série tenta imitar 300 e gladiador,acabou q ficou um lixo.
    Tanto a história em si quanto as lutas.
    Não recomendo a série…
    melhor ver reprise do filme gladiador,será um tempo muito mais bem gasto.

  8. afcramalho Says:

    Dizer que Spartacus ficou um lixo é um completo exagero… O filme 300 e Gladiator são isso mesmo, filmes, e de grande orçamento.

    Spartacus é uma série de televisão, com um orçamento bastante limitado… É preciso compreender as limitações que existem para fazer uma série deste género.

  9. JAHBLO Says:

    Quer dizer que só porque o orçamento é limitado temos que esperar algo ruim e simplesmente engolir? ..atuações nojentas, efeitos copiados descaradamente de 300 e gladiador, abuso de cenas de sexo e violencia.. simplesmente não vale a pena assistir.

  10. afcramalho Says:

    Então não assistam… Se o orçamento é baixo, queriam ter os efeitos visuais que existem em 300? Isso seria impossível, dai não perceber as comparações a filmes de grande orçamento para falarem mal de Spartacus.

    E ninguém está a dizer-te para ”engolires” nada… Vê quem quer, acredita que existe quem goste bastante. Eu critiquei a série no artigo em alguns pontos, não concordo é com as criticas que fazem aos efeitos especiais, que para uma serie televisiva são bastante razoáveis na minha opinião.

    Em relação as actuações, e a história, foram aspectos que também já referi que estavam bastante fracos. E também já tinha referido que haviam cenas de nudez em excesso. Se reparares não estava a desculpar a serie pelo baixo orçamento nestes aspectos, estava a referir apenas que para uma série televisiva, de baixo orçamento, os efeitos especiais não podem ser comparados a grandes filmes, apenas isto.

  11. Master Says:

    A verdade é que essa série é pior que novelas brasileiras. Pelo que ví, com todo respeito, essa série apela D+ pra sague e pornografia. Será que isso significa qualidade. NÃO!! Isso é entretimento humana com material de baixa qualidade e inconstrutivo, qua leva o ser humano a um estado de satisfação com excesso de pornografia e violência gratuita. O produto disso é que a humanidade vai buscar cada vez mais por exibição de sangue e sexo passando por sima de todos os valores morais e éticos que levamos milhares de anos para construir. É irônico, na Roma antiga, quando gladiadores eram massacrados injustamente, essa mesma admiração por sangue gratuito era apreciada pelos antigos reis e pelo povo que compunha o palco daquelas arenas. Espero não ter ofendido niguém, mas essa é minha visão da realidade. Quem tiver algo a fizer contra esses argumentos prossiga, afinal estamos numa democracia. ;)

  12. Um Brasileiro Says:

    uhauhauhauhaauh achei que voces gostassem das nossas novelas =D

    eu nao gosto, e estou achando spartacus o maximo

    sim, tem pornografia e sangue o tempo todo ( alias, um sangue muito mal feito) mas o que se tinha na roma?

    Grandes herois que matavam todos e ao mesmo tempo eram honestos e certinhos?

    poupem-me, realmente, vao ver novela…

    por falar nisso

    Passione acaba que quem matou o carinha foi a Clara (ou o nome da loira malvada) usando dois travesseiros para esconder uma faca ¬¬

    Boa novela =D

  13. Sinner Says:

    Ora eu acabei de ver a primeira temporada.

    A serie vale a pena ver, todos que gostarem de violência, sangue, nudez, sexo, intriga, lutas, ódios, traições, amores proibidos e vinganças; vão gostar da serie.

    E uma serie bruta e crua onde se vê cabeças a ser decepadas e cenas de sexo a toda a hora, mas faz parte, afinal isto não é um conto de fadas para meninos de 10 anos, isto é Roma na altura sem tirar nem por.

    Os efeitos especiais são muito bons, isto não e um filme do steven spielberg, não esperem efeitos de milhões de euros.

    A historia e envolvente e interessante, vejam 3 episódios e vão querer ver tudo ate ao fim. Em 3 episódios vocês habituam-se as cenas em slow motion onde o sangue fica no ar durante alguns segundos.

    E ainda não descobri onde esta historia é uma copia do filme 300…

    O sangue que jorra, dizem que esta exagerado, bem eu pessoalmente nunca decepei a cabeça de ninguém, nem nunca malhei na boca de um gajo e fiquei a ver quanto sangue lhe saltou da boca. Capaz de estar um bocadinho espesso de mais, sei la, mas exagerado acho que não está.

    Para todos que não tenham estômago para ver as tripas de um gajo a cair da barriga para fora a seguir a um golpe de espada Não Vejam Mais De Metade Da Serie, ainda ficam traumatizados.
    Para todos os Moralistas com muitos valores Morais, vejam a serie Gossip Girl, e a mesma merda mas sem sangue e sem violência e sem nudez.
    Para todos que duvidem da qualidade da serie Spartacus: Blood and Sand vejam o link http://www.imdb.com/title/tt1442449/, 8.8 não e brincadeira, o Filme 300 só teve 7.8!!!

  14. Jaime Silva Says:

    O marco que me desculpe a franqueza, mas como alguem já disse, é melhor continuar a ver novelas.
    A série é excelente, fiel á época.
    5 Estrela.

  15. Duarte Lima Says:

    Axo que muitos criticos da série são fãs do WWE e companhia.
    Adoro a série e espero pela proxima temporada e voçes meus criticos de 2ª cat. não vejam pá proxima.

  16. Filipe Says:

    Uma serie espectacular ! É obvio que com um nivel de realismo muito elevado contudo não chega ao nivel da serie Rome (para mim provavelmente a melhor que vi ate agora), mas apesar de ambas se passarem na Roma antiga e ambas terem um nivel de rigor historico exelente provavelmente em termos visuais não são comparaveis (estamos a falar de orçamentos completamente diferentes).

    Em relação a 2 temporada (se é que se pode falar de 2 temporada para mim é uma serie a parte) Spartacus gods of the arena ainda so vi 2 episodios e ate agora tem ficado aquem de blood and sand mas talvez seja prematuro fazer esta analise (apesar de esta serie so ter 6 episodios).

    Em sumula é serie muito boa com exelentes actores, principalmente o Andy Whitfield (e espero que recupere da sua doença) um realismo muito elevado (e isto para alugumas pessoa podera ser um senão), e con elevado rigor historico.

    Se não forem muito sensiveis aconselho vivamente a verem esta serie.

  17. Danito Says:

    Como muitos comentaram aqui, confirmo, grande série e a segunda temporada não fica atrás. Sendo um apreciador de história antiga devo dizer que a série está bastante real á roma antiga onde realmente era uma depravação e era usual homens iniciarem a vida sexual com outros homens por exemplo. Realmente se notarem a qualidade da filmagem vai aumentando com os episódios pois nos states é usual lançarem só 2 ou 3 episódios para ver se vai ter publico ou não e só apartir daí investirem mais na série. Para finalizar o sangue não está muito exagerado e como facto cientifico fica: “O coração humano cria uma pressão o suficiente para esguichar o sangue a uma distância de 10 metros” Resumindo a serie está brilhante.

  18. carolas Says:

    Quem não gostou vê-se mesmo que não sabem apreciar filmes neste género. Mais vale mesmo ficarem pelos filmes animados, tal vês ai se sintam em casa, mesmo a serio.
    Os meus parabens pelo “filme” e aguardo ancioso pela 2ª temporada.

  19. baía Says:

    NINGUEM PERCEBEU NADA!!

    ISTO É UMA APROXIMAÇÃO Á BANDA DESINHADA…
    POR ISSO QUE TEMOS AQUELES EFEITOS DE SANGUE E AQUELAS PARAGENS DE SEGUNDOS DURANTE AS ACÇÕES.

    ALGUEM LEU 300 ?
    ENTÃO VEJAM O FILME E DEPOIS LEAM A BANDA DEZENHADA.
    QUANDO DIGO APROXIMAÇÃO QUER DIZER QUE É UMA MISTURA ENTRE BANDA DEZENHADA E CINEMA.

    DESCULPA PELOS ERROS
    NÃO ESTUDEI EM PORTUGAL.

  20. Samuel Says:

    Alguem me diz onde sakar os episódios?

  21. Lira Says:

    Muito se tem dito…
    Para ser franca achei os (talvez) 3 primeiros episódios um tanto ou quanto cliché e exagerados. Nada de mais pois continuei a ver e a qualidade da série cresceu a olhos vistos.
    Os efeitos especiais (para uma série de TV) estão muito bons. As interpretações vão melhorando bastante ao longo dos episódios. O rigor histórico (desde a caracterização à cenografia), algo raro em séries, é sem dúvida um dos melhores aspectos.
    Quanto aos temas: o que acaba por estar presente em todo o tipo de séries. Traição, romance, vingança… porque me chocou ver alguém preocupado com valores morais eu salientaria precisamente a personagem do Spartacus que contra-balanceia toda a imoralidade que a série possa ter. Um herói que antes de mais procura justiça e igualdade… haverá algo mais moral e actual? Na verdade, apesar das já inúmeras adaptações acho que Spartacus é uma personagem que nunca se esgota e com a qual nos podemos ainda hoje identificar.
    Cenas de sexo e violência a mais? De sexo talvez, mas quem não quer não vê, pessoalmente não as acho descontextualizadas. De violência… do que se estava à espera? É uma história de gladiadores!
    Fico à espera da próxima :)
    P.s. Gods of the Arena também está muito bom. Tecnicamente até considero melhor, pois a equipa teve Blood and Sand como escola.

  22. AOliveira Says:

    Eu cá concordo com a Lira. Acho a série muita boa, cheia de Gore. E como tal, com bastante sexo e violência. Extremamente atraente visualmente a copiar aquela imagem sépia de “300″ e relembrar a imagem de BD já referida pelo baía.
    O rigor histórico está por lá apesar de ser um argumento e como tal, há que pôr umas personagens fictícias para animar e adensar a trama.
    Quanto ao desempenho dos actores, não os acho assim tão maus, apesar de não haver brilhantismo.
    Por isto, acho que é uma lufada de ar fresco. Trazer um assunto clássico para a TV que vai tão contra o agenda setting das Televisões “Séries de Médicos e Policiais”.
    Quanto à forma como Spartacus aparece personificado acho bastante interessante. Não concordo com a Lira, que acha que ele tem valores mais elevados que os restantes. Sim, ele representa o homem que honra o seu amor, e que dignifica a Irmandande (a relação que tem com Varro). Mas em muitos aspectos pouco se importa com os restantes. Se existe uma personagem nobre na sua moral é Mira. Pois é ela quem passa os seus ensinamentos morais a Spartacus e o chama frenquentemente à razão.
    Agora, quem não gosta pode sempre mudar de canal, e quem não gostar de Gore mude logo, pois até dois segundos da série podem horrorizar.
    Eu cá vou continuar a ver e a gostar. Venha daí a segunda temporada.

  23. manel Says:

    Podem ou não gostar da série , gostava era de saber em que site se pode fazer o download da 2ª temporada ? alguêm sabe ?

  24. Felipe A. Nunes Says:

    The Walking Dead e Spartacus – Blood and Sand são meus seriados favoritos! Muito bom a série!

  25. João Pedro Says:

    Spartacus é muito bom e tem tudo para ganhar grande legião de fans!Alguns efeitos são propositadamente exagerados e poderá ter até alguns defeitos de realização…mas é isso que lhe dá carisma!
    A historia e as tramas são cativantes e muitos dos actores são fantásticos!

  26. Toninho Says:

    Eu achei a serie um máximo
    Jé nem lembrava mais da historia de Kill Spartacus , que não tinha lido ou visto filme sobre ele ou serie até então
    Somente tinha estudado na escola , mas nem me lembrava mais, lembrei no decorrer da serie , que baixei porque vi os comerciais do FX anunciando a serie
    Bom a serie me deixou sem fôlego , principalmente no final da primeira temporada , a segunda ainda não assisti
    Essa serie é como aquelas novelas ou serie que vc quer estar no lugar no personagem principal e fazer logo o que ele tem que fazer
    E sobre violência e sexo que dizem ter demais na serie
    Vocês acham mesmo que na Roma antiga não existia promiscuidade , não existia putaria , não existia homossexualismo ?
    Cai na real né gente
    Quem fala isso deve ser aqueles evangélico ou católicos fanaticos que devem achar que antigamente o mundo era perfeito
    Que hoje vivemos na pior época , e que essa época de Spartacus ou de Jesus essa sim eram épocas boas , cheias de amor e esperança aff…

  27. Mac Says:

    Olá, alguém me sabe dar indicações sobre episódios iniciais da história, ainda com o pai de Batiatus e Crixus ainda não era gladiador e o Doctore era ainda gladiador e não treinador.

    Obrigado.

  28. Impiedoso Says:

    Mto boa a serie: estou a espera da próxima temporada, já vir e revi varias vezes. excelente…
    Abçs:

    MAC – procura vto / series online

  29. Kron_noir Says:

    Não acho que a série conta com atuações fracas, mas nem sei porque estou perdendo tempo comentando um texto que começa com ”Soldado Romano”

  30. PRFRANCISCOSIMIS Says:

    uma das melhores series – não consigo baixa-la preciso da ajuda de voces – grato – frannnnn

  31. Marcomota2010 Says:

    perfeita as atuações e a histiria

  32. Juliano Says:

    vão assistir novela!
    olhem o episodio 06 da primeira temporada e parem de reclamar

  33. Lucio Says:

    eu prefiro mesmo o 06 e o 13º episodio

  34. Laubark Says:

    Apesar de violência, sangue e sexo (beira o grotesco!), SPARTACUS é menos nocivo do que o câncer cultural que é novela brasileira.

    Ha anos temos repetição de enrendo, sempre no mesmo lugar (RJ) e atores e atrizes servem mais pra vender produtos do que para contar uma historia.
    Pior ainda qdo saem das telas e vão pro cinema, uma lastimável extensão das novelas.

    Spartacus ainda tem bom texto e boa produção e, apesar das apelações, bom desempenho de elenco.

    Que acomodados fiquem com a mesmice das novelas do Brasil! Por isso não saímos deste pântano cultural!

  35. Daniel Says:

    Só tem uma coisa. Espártaco não era soldado romano (mesmo no seriado isso fica evidente).

    E o problema principal é que a história é distorcida a tal ponto de não ser apenas “uma reprodução que não é 100% fiel” dos fatos (que são demasiado pouco registrados a cerca de Espártaco), mas pela inversão total dos valores pelos quais a revolta do guerreiro trácio lutou e instituiu na humanidade. Uma ótima versão histórica sobre ele encontra-se em http://www.historia.uff.br/stricto/td/1463.pdf .

    Todavia, a série é até interessante, apesar de valorizar o masoquismo extremo, o sangue e o sexo, em detrimento da revolta que iniciou o declínio de Roma, e fez com que ela, a partir de então, nunca mais fosse a mesma.

    Fica devendo (e muito) o Gods of Arena: Não trata-se da história de Spartacus (por mais contraditório que isso pareça!), e sim da de Batiatus; vemos aí que o estilo SS (sangue e sexo) vale muito mais que a ideia da revolta dos “fracos” que assolaram Roma de medo.

  36. alan Says:

    eu não respeito a opiniões contraditórias a spartacus ai em cima. pelo amor de deus, comparar ” spartacus´” a novela da globo é foda, vocês queriam o que? que fosse uma linda e comovente história de amor? se não gostaram de ” spartacus” bando de bichona vão assistir priscila a rainha do deserto. eu acho que este último filme sitado deve fazer mais o estilo de vcs. srsrsrsrsrrsrsrssrrsrsrsrrsrsrssrsrrsrssrrsr

  37. Outro brasileiro Says:

    Criticar a série Spatacus: Blood and Sand, por possuir nudez e violência, é a meesma coisa que ir a uma aula de biologia e dizer, que o cruel dissecar um sapo.
    A série é uma aula de história, não sobre o homem que deu origem, mas sobre a Roma Antiga.
    Choca os olhos sim, mas negar que aquilo não acontecia é convite a voltarmos a viver na bárbarie. (o que não está muito longe)
    Foram coisas que aconteceram naquela é época que e o canal procurou ser o mais fiel possível tanto que ele dá uma aviso antes de começar cada episódio para os desavisados.
    Para mim os atores não são dignos de um Grammy mas cumprem seu papel. Os efeitos estão melhores que muito filme por aí e o roteiro conta com tudo aquilo que se espera de um drama: traição, inveja, assassinato, justiça, injustiças e por aí vai.
    Acho que cada pessoa no mundo tem o seu estilo e ficar criticando, o estilo dos outros não leva a lugar nenhum.
    Quem gostar de história como eu assista, quem tiver estomago fraco, para as coisas mais hediondas que seres humanos já fizeram e ainda fazem não assistam. Fora isso tudo ótima série!!!!

  38. Coisas Legais Says:

    As versões estendidas e sem censura em blu-ray valem a pena: http://coisaslegais.net/2013/09/spartacus-blood-and-sand/

  39. gelci lopes mota Says:

    é verdade que o ator principal faleceu e não fez a segunda parte do filme.

Deixe um Comentário